Como posso ajudar?
Loading...

Equipamentos essenciais Moto, Motocross e Trilha

10
novembro
2016
Equipamentos essenciais Moto, Motocross e Trilha

Equipamentos essenciais Moto, Motocross e Trilha

Para quem pretende se iniciar no motociclismo fora de estrada, antes de mais nada, é preciso ter uma moto adequada, claro. Mas além da moto, o iniciante tem que ter consciência que só com a moto ele não terá condições de praticar o motocross, supercross, enduro, rally ou até mesmo uma trilhinha de final de semana se não estiver bem equipado.

 

equipamento-motocross-trilha

Configuração de um Equipamento de Motocross, Trilha e Enduro

Estar bem equipado não quer dizer necessariamente “bonito”, e sim, seguro. Para isso ele terá que adquirir alguns equipamentos essenciais, tais como capacete, botas, colete, luvas, roupas e outros itens importantes para sua própria segurança.

Listei abaixo os equipamentos mínimos para que qualquer iniciante, em qualquer modalidade motociclistica fora de estrada, possa começar a treinar e sentir as emoções dessa paixão que é o esporte off-road sobre duas rodas, com segurança.

  • Capacete Motocross, Trilha, Enduro.

Bons capacetes podem ser encontrados na faixa de preço entre R$ 200,00 e R$ 500,00, mas é claro que, se o seu bolso permitir, existem capacetes muito mais caros, mas nesses casos o diferencial será o grafismo e/ou o peso dele e não o quesito segurança pois, hoje em dia, a grande maioria dos capacetes existentes no mercado passam por testes de segurança antes de serem aprovados.

Depois, tenha certeza de que ele lhe servirá. O capacete deve ficar justo em sua cabeça, sem apertar ou ficar solto demais. Quando for comprá-lo, coloque-o na cabeça e feche a fivela. Se ele não estiver apertado demais já é um bom sinal. Depois, balance a sua cabeça para frente e para trás, ele não deve sair da posição; depois balance a sua cabeça de um lado para o outro. Se ele continuar na posição sem apertar, este é o seu número!

Outra dica é medir a cabeça como mostra na imagem abaixo:


Tamanho do capacete
  • Roupa de Motocross 

Camisas e calças específicas para uso no off-road são legais, mas não são essenciais para quem está iniciando e quer dar uma economizada. Uma boa camiseta de manga comprida ou um moleton e um jeans serão suficientes para se começar, mais depois de ter gastado uma grana em todos os outros acessórios, com certeza você vai querer estar vestido numa beca de acordo. O preço das camisas varia entre R$ 30,00 e R$ 70,00 e o das calças entre R$ 80,00 e R$ 400,00.

  • Óculos de Motocross e Trilha

Se você não puder enxergar bem, pilotar então… Além disso, tranqueiras nos olhos (poeira, bichinhos, pedras, galhos, etc.), não é nada divertido. No mercado você encontra bons óculos que podem variar entre R$80,00 até  R$ 350,00. É lógico que cada um deles têm o seu diferencial, o material da carcaça (“armação”), o do elástico, a lente, anti-embaçante ou não;  enfim, todos são feitos para a proteção dos seus olhos, e disto você não pode abrir mão.

Outro fator importante é a cor das lentes. As cores não existem apenas para te deixar mais bonitão. As lentes transparentes são ideais para dias nublados ou com neblina, as amarelas são ótimas para pilotar a noite e também em dias com neblina e as escuras são ideais para serem usadas em dias ensolarados. Muitos ainda não sabem, mas já existe também no mercado fabricantes de lentes de grau para óculos de moto. Você manda a receita para eles e eles fazem as lentes, inclusive bi-focais, que são excelentes para aqueles pilotos que ainda aceleram muito, mas não conseguem mais enxergar as referências da planilha.

Também muito interessante é um acessório chamado Quick Strap. Com ele você põe e tira os seus óculos em posição com muita facilidade, apenas com uma das mãos, enquanto está pilotando. Lembre-se também que os óculos foram feitos para serem usados como proteção dos seus olhos, e não do seu braço, punho ou guidão.

  • Luva para Motocross e Trilha

Elas não protegem suas mãos apenas no caso de uma queda, mas também de pedradas, espinhos e frio e podem ser encontradas por preços que variam entre R$ 30,00 e R$ 400,00. A diferença do preço está na qualidade dos materiais empregados em sua confecção e da marca do produto. Aquele modelo usado pelo Carmichael (super piloto americano campeão de motocross e supercross), com certeza, custa um pouco mais. Mas todas tem a mesma função: proteger a sua mão no uso fora de estrada, seja no motocross, na trilha ou em um rally.

O importante é que ela sirva direito em sua mão, sem ficar apertada a ponto de restringir os seus movimentos e nem folgada demais, podendo assim até causar um acidente. Um par de luvas não tem prazo de validade determinado pelos fabricantes e isso será determinado pelo quanto você usa este equipamento e a maneira como vai conservá-lo. Para maior durabilidade deste equipamento, recomenda-se lavar toda vez que usar, principalmente em condições extremas, como num dia de muita lama.

Também é aconselhável após a lavagem secá-las na sombra e não no sol direto. Como geralmente na palma das luvas é usado o couro, se forem secas no sol direto, o couro ficará ressecado e perderá a maciez e maleabilidade. Agora aqui vão dois lembretes: o primeiro é que, luvas de lixeiro, goleiro e de mecânico não foram feitas para andar de moto e o segundo é que um par de luvas não é um acessório e sim um equipamento. Portanto, não deixe de usá-las, nem que seja para ir até a esquina.

  • Joelheira/Cotoveleira

Seus joelhos e cotovelos podem entrar em contato com superfícies duras (chão principalmente) tant

o quanto seus pés e mãos, por isso não deixe de se proteger. As joelheiras se tornaram muito confortáveis nos últimos anos e não há desculpas para não usá-las. Joelheiras e cotoveleiras custam em média R$ 50,00 e podem prevenir o impacto.

Aqui estou falando de joelheiras comuns e não dos knee braces, que são equipamentos próprios para se prevenir uma torção no joelho e que custam muito mais. Uma boa lavada depois do uso e guardá-los em local seco e arejado garantirá uma vida longa a esses equipamentos essenciais.

  • Coletes Para Motocross e Trilha

Seu peito é um grande alvo para pedras e galhos. Ele não só servirá como um escudo para o seu corpo como também ajudará a absorver o impacto (do chão, barranco, árvore) em caso de uma queda e inclusive lhe ajudará se a sua moto resolver cair em cima do seu peito ou das suas costas. Imagine uma DR400 ou uma XLX350 caindo em cima de você. Vai doer, não? Imagine se você estiver sem o colete então! Coletes custam em média de R$ 100,00 a 400,00 reais, dependendo da marca e do modelo. Mantenha-o sempre limpo, assim com certeza sua vida útil será muito maior.

  • Bota Motocross, Trilha e Enduro

Escolher uma bota confortável e segura é provavelmente a pior e mais cara parte na compra do seu equipamento. Levando-se em conta que pés e botas tem formas diferentes, inclusive de um modelo para outro, mesmo que seja do mesmo fabricante, determinar o correto tamanho da bota que você vai comprar é o mais importante.

Você vai ter que gastar um pouco de tempo neste item. Você precisa de algo que lhe caia bem no pé e calcanhar sem incomodar e espaço suficiente para os seus dedos, sem que eles fiquem encavalados um em cima do outro. Acima de tudo tem que lhe transmitir segurança. Boas botas novas vão lhe passar a sensação de dureza no começo mas, em mais ou menos três horas de uso, elas ficaram confortáveis. Depois de usá-las, é sempre aconselhável lavar este equipamento que custa tão caro.

É justamente por isso e pela segurança que ela oferece aos seus pés que devemos cuidar bem das botas e com certeza elas terão uma durabilidade muito maior se forem bem cuidadas. Sempre que lavá-las não é aconselhável secá-las no sol direto. Com esse procedimento o couro vai ressecar, perdendo assim a elasticidade e maciez. Outra dica para quando lavar a sua bota é, além de secá-la na sombra, colocar jornal amassado dentro dela e assim ela vai enxugar muito mais rápido. E lembre-se que coturno foi feito para marchar e botina foi feita para peão usar na fazenda e não para se andar de moto. Botas específicas para se usar no off-road podem ser encontradas no mercado por preços que poderão variar entre R$ 300,00 e R$ 2.300,00, dependendo do material que ela é confeccionada ou da proteção e conforto ela possate oferecer. Mas, não hesite, compre!

  • Sistema de Hidratação

Estar hidratado é muito importante. Há centenas de estudos que provam isto cientificamente. Saiba que você deve investir nesse item, principalmente na hora que você começar a dar aquelas voltas mais longas e desgastantes. Existem várias opções. O tradicional cantil ou a garrafa de água na bag são os sistemas mais baratos, mas lembre-se que dessa maneira você terá que parar toda vez que quiser tomar um golpe e ainda vai precisar enchê-los várias vezes.

Água filtrada ou mineral não é uma coisa fácil de se achar no meio da trilha. O melhor, e obviamente o mais caro é o camel back. Ele parece uma mochila, com um saco de plástico resistente onde fica a água e uma mangueira por onde você pode tomá-la sem parar a moto e, ainda por cima, a água fica fresca por horas de trilha. Estes tipos de sistema custam em média R$ 70,00 a R$250,00

Para aumentar a vida útil desse equipamento, basta lavar a “sacola” de tecido que envolve o reservatório plástico toda vez que usá-la. Acontece que muitas vezes não nos damos conta de que, apesar de estarem aparentemente limpos, estão impregnados com o nosso suor, e esse suor é altamente danoso para o tecido.

Outra dica é quanto à lavagem do reservatório de água. Quando chegar da trilha ou treino, esvazie-o completamente e, quanto mais seco ele ficar, menor será o risco de que surjam fungos e bactérias em seu interior. Também recomendo para que a cada quatro usadas desse reservatório encha-o com água e adicione uma tampinha de hipoclorito de sódio. Deixe essa mistura em seu interior por pelo menos dois dias. No terceiro dia esvazie-o e lave-o bem com água corrente.

 

Deixe uma resposta


*